Os primeiros passos para começar a investir dinheiro do jeito certo

Tem muita gente por aí com o desejo de começar a investir dinheiro, mas para fazer isso do jeito certo e sem arriscar seu patrimônio é preciso conhecer algumas regras.

Nesses muitos anos ajudando clientes a economizar dinheiro, planejar, investir e a  garantir ótimos resultados para sua vida financeira, percebi sempre a existência do desejo de investir bem o próprio dinheiro. 

Apesar de muita gente já fazer isso bem feito, outros tantos se intitulam “analfabetos financeiros”, isto é, não possuem informações consistentes sobre investimentos financeiros existentes no país e portanto, não sabem como fazê-lo. E ainda, há os que conhecem apenas a Caderneta de Poupança e chegam a ter toda sua reserva financeira depositada nela.

Infelizmente, o tema investimentos não costuma fazer parte das conversas familiares ou no bate papo entre amigos ou colegas de trabalho.  A causa desses problemas está no fato de que não se fala sobre finanças pessoais nos lares e muito menos nas escolas. Não se ensina sobre finanças pessoais no dia a dia em nosso país e nem como começar a investir dinheiro.

Mas você concorda comigo que quem investe quer ganhar dinheiro, não é verdade? E para fazer isso do jeito certo, é importante seguir os passos que eu vou apresentar a seguir.

 

O caminho para começar a investir dinheiro

começar a investir dinheiro

Ter um método e um caminho seguro para seguir, é a melhor maneira de começar a investir dinheiro. Somente dessa forma, você pode evitar de comprometer seu patrimônio e realmente ganhar dinheiro. Acompanhe a seguir as dicas especiais que eu separei para te ajudar nessa missão. 

 

1º Passo: Estudar e montar seu planejamento

Para começar a investir dinheiro você vai precisar estudar e fazer o seu planejamento. É o que chamamos de “fazer o seu dever de casa”.

Você pode estar pensando que para isso basta falar com o gerente do banco para que tudo esteja certo e resolvido. O gerente do banco pode até ajudar você, mas é importante lembrar que ele trabalha para o banco e tem as próprias metas a cumprir.

A saída é aprender por conta própria e tudo deve ter um começo. Será importante estudar bastante e conhecer sua própria situação financeira para decidir o melhor caminho a seguir. 

 

2º Passo: Manter as contas no azul

Antes de mais nada, você precisará ter e manter seu orçamento e suas contas em dia ou, como se diz popularmente, seus números “no azul”. 

Você precisa entender exatamente como está sua vida financeira. Controlar bem o seu dinheiro será fundamental. Você sabe exatamente o quanto ganha, quanto gasta e se está sobrando ou faltando dinheiro?

Só depois disso, você vai conseguir começar a fazer o dinheiro sobrar no final do mês e montar sua reserva financeira para começar a investir dinheiro. 

3º Passo: Evitar as ciladas

começar a investir dinheiro

O próximo passo para começar a investir dinheiro é conhecer os produtos que o gerente do banco irá te oferecer. Dessa forma, você poderá evitar as ciladas que ele tentar empurrar para você. Vamos apresentar algumas a seguir.

Títulos de Capitalização: Costuma ser comercializado com a informação de que rende tanto quanto a Caderneta de Poupança e ainda dá prêmios. É importante que você saiba que uma parte do valor que você investe será usada para pagar a administração do dinheiro de todos os que compraram os títulos e outra parte para premiar os sorteados. Resumindo, eles rendem menos do que a Caderneta de Poupança. É o pior investimento que você pode fazer. 

Previdência Privada: Tem custos maiores do que outros tipos de aplicação existentes no mercado. Os planos de previdência têm altas taxas de administração. Eles são interessantes para apenas alguns casos específicos, mas são vendidos como se fossem bons para todos os clientes. 

Caderneta de Poupança: Abrir uma Caderneta de Poupança costuma ser a primeira providência para muitos quando decidem investir. Ela existe há mais de 100 anos. Foi criada na época do Império, em 1861, junto com a Caixa Econômica Federal. Ela é bastante antiga e tradicional. O investimento em Caderneta de Poupança tem baixo risco e é muito fácil investir. No entanto, atualmente, o rendimento mensal obtido tem sido inferior à taxa mensal de inflação. É importante que se leve essa informação em conta. Isto porque tal rendimento ao não ser suficiente para acompanhar a taxa de inflação, não proporcionará lucro aos investidores. Além do que, há investimentos da mesma categoria que são muito mais vantajosos. 

 

4º Passo: Começar a investir dinheiro do jeito certo

 

Assim como você precisa conhecer os investimentos que são ruins. Você também precisa conhecer aqueles que são as melhores opções. Trago a seguir duas formas de você começar a investir dinheiro do jeito certo.

Títulos Públicos

São títulos emitidos pelo Governo Federal. O objetivo da emissão é captar recursos e financiar as diversas atividades do orçamento público federal. Disponíveis  anteriormente apenas para bancos e corretoras de valores, os títulos públicos hoje estão também à disposição de investidores Pessoa Física através do programa Tesouro Direto.

Começar a investir dinheiro em Títulos Públicos através do Tesouro Direto é bem simples. Apesar de ser um investimento direto, será necessário abrir uma conta em uma corretora de valores que será a instituição intermediária na compra e venda de títulos. E você pode começar a investir comprando a fração de 0,01 de um título. Ou seja, apenas 1% do valor do título para começar a investir, desde que este valor seja de no mínimo R$ 30,00 aproximadamente.

São cinco as modalidades de títulos emitidos pelo governo para escolhermos como investimento. São eles: Tesouro Prefixado; Tesouro Prefixado com Juros Semestrais; Tesouro Selic; Tesouro IPCA +; Tesouro IPCA + com Juros Semestrais.

Fundos de Investimentos

É um tipo de aplicação financeira coletiva, na qual os recursos de todos os investidores são utilizados para adquirir bens. Eles pertencerão a todos os investidores, respeitando sempre a proporção de investimento realizado por cada um.

O fundo de investimento possui um regulamento. Nele estão estabelecidas as regras de funcionamento que se aplicam igualmente a todos os cotistas. Ao comprar cotas de um determinado fundo, o cotista aceita suas respectivas regras de funcionamento (aplicação, resgate, horários, custos, entre outros). Além disso, passa a pagar uma taxa de administração para que um administrador coordene o funcionamento do fundo.

Através desta forma coletiva de investimento é possível aplicar em diversos tipos de produtos financeiros, com diferentes graus de rentabilidade e risco, sem precisar de grandes valores. E o mais interessante: você terceiriza o trabalho de gestão para um profissional.

 

Antes de finalizar, é importante ressaltar que para começar a investir dinheiro você precisará deixar de lado o medo. Confiança e conhecimento são importantes quando se trata de ganhar dinheiro. Lembre-se sempre que você é a pessoa mais importante para cuidar do seu próprio dinheiro! Portanto, prepare-se devidamente para isso!


Para ver mais dicas como essas, siga minhas redes sociais: Facebook, Instagram, LinkedIn e Youtube. E se ainda ficou com dúvidas, entre em contato comigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *