Como usar a economia doméstica a seu favor

Você sabe o que é economia doméstica? Sabe como a economia doméstica pode ajudar nas suas finanças pessoais? Trabalhando desde 2004 como consultora financeira, ainda me deparo com pessoas, casais e famílias que desconhecem o que seja economia doméstica, sua importância no controle financeiro pessoal e como aplicá-la no seu dia a dia.

Por isso, e para atender a muitos que necessitam de informações sobre o assunto, resolvi escrever este artigo esperando que ele possa ser útil a você, sua família, seus parentes e amigos.

Por que prestar atenção na economia doméstica?

Economia doméstica é a administração das contas da casa. Todas as famílias, mesmo sem se dar conta, necessitam administrar essas contas. Se não fizerem isso, poderão correr o risco de que as finanças domésticas (e como consequência as finanças pessoais) saiam do controle.

É provável que o dinheiro acabe antes do final do mês, que as contas fiquem atrasadas e até sem ser pagas. A inadimplência, infelizmente, pode até surgir. Portanto, todos, desejando ou não, convivem com a administração doméstica.

Quando se entra no cheque especial, pagam-se juros, não se quita a fatura do cartão de crédito, entra-se no crédito rotativo, falta dinheiro no final do mês e no mês seguinte se paga mais juros… Quando se chega nessa fase, a coisa já ficou feia.

Se você, por acaso, já sentiu que o mês é longo demais para o seu dinheiro, que tem que se esforçar muito para que as contas não fiquem “no vermelho”, que está se esforçando demais para chegar ao final de cada mês da melhor maneira possível, este artigo também é para você!

Infelizmente, em nosso país, não se educa sobre economia doméstica em casa, não se ensina sobre o tema nas escolas. Imagino que você tenha feito seus esforços por conta própria elaborando listas, controles e anotações sem muitos resultados.

Há uma solução e esta solução envolve as palavras planejamento financeiro. Quanto mais, melhor. Vejamos então como aplicar o método envolvendo economia doméstica e planejamento financeiro.

Fazendo o orçamento pessoal e familiar

Em economia doméstica uma peça importante é o orçamento. Ele ajuda na administração dos recursos da família. O orçamento pessoal, ou orçamento doméstico, deve ter informações como entradas (receitas) e saídas (despesas) de todos os membros da família. É importante lembrar que há uma diferença importante entre:

1) simplesmente apurar o que está sendo gasto no dia a dia sem controle;
2) planejar despesas antecipadamente para não gastar mais do que se ganha (esta é justamente a função do orçamento doméstico).

Portanto, em economia doméstica o orçamento pessoal é o principal instrumento. Ele possibilita o planejamento financeiro para hoje, para amanhã e dias futuros. Ele evita que sobre mês e falte dinheiro.

O primeiro passo para iniciar a resolução do problema é preparar o orçamento pessoal já! Para alguns pode não parecer fácil, mas é possível. É necessária uma boa dose de determinação. Convoque a família para uma reunião seguida de ação, pois todos necessitam estar comprometidos com o projeto de organização e estruturação da economia doméstica.

Dicas para colocar em prática

Para começar a usar a economia doméstica de forma mais inteligente, alguns passos são essenciais, como saber exatamente quanto você ganha (e as pessoas da família), quanto você gasta e se há desequilíbrio entre receitas e despesas. Saiba mais em nosso post sobre Controle financeiro pessoal.

Use o orçamento doméstico para ter muito mais sucesso em sua vida financeira. E mais importante do que ter um método é colocá-lo em prática. Portanto, comece agora! Comece já a cuidar melhor do seu dinheiro! Você merece ser muito feliz!

Evanilda Rocha, consultora financeira, especialista em finanças pessoais, educação financeira, orçamento pessoal e planejamento financeiro. Autora do e-book “Como fazer sobrar dinheiro no final do mês” e do guia “7 Hábitos financeiros saudáveis para você manter com ou sem crise”. Evanilda também é criadora do treinamento “Como Mudar sua Vida Financeira para enriquecer”.

 

Nota: Se você quiser falar diretamente conosco, enviar sugestões, comentários ou perguntas, use o e-mail  contato@dinheirointeligente.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *